Nossa escola

OLiceo Hispánico é uma escola jovem e com ambiente familiar, situada em Cáceres e especialista no ensino do espanhol para estrangeiros. Oferece cursos de espanhol a todos os níveis (do A1 a C1) e também cursos para professores, atividades, alojamento e a possibilidade de aprender de maneira rápida e num contexto agradável e significativo. Encontra-se no centro da cidade (Rua Parras, 47) junto à zona monumental e à área comercial e de bares e restaurantes. Conta com várias salas, uma biblioteca, uma sala de convívio para os estudantes, gabinetes, sala de professores e uma sala de audiovisuais. Além disso, possui rede WIFI para os alunos que queiram trazer o seu próprio computador.
Se queres conhecer mais, clica nos itens que aparecem a seguir.

Descobre a nossa escola



O método que implementamos no Liceo Hispánico baseia-se na aquisição de uma série de competências por parte dos alunos, tal como se assinala no Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas. Nas nossas aulas partimos da ideia de que o aluno possui uma série de conhecimentos prévios à aprendizagem da língua que lhe facilitam a aquisição da nova língua. Por isso é preciso que as sessões sejam variadas e se centrem em todas as facetas da língua (gramática, léxico, cultura, fonética, pragmática, intercultura, etc), assim o estudante poderá:

  • Desenvolver competências, com fluência e em diferentes situações comunicativas, em qualquer âmbito ou contexto.
  • Evitar mal-entendidos ou quebras de confiança.
  • Atingir o objetivo comunicativo que se propõe (convencer, divertir, etc) em diferentes situações.
  • Distinguir as diferentes estruturas da língua espanhola.
  • Conhecer a cultura española.



Para os cursos gerais o Liceo Hispánico propõe seis níveis de ensino consoantes com o que indica o Quadro Europeou Comum de Referência para as línguas. Em cada um pretendem-se uma série de objectivos gerais que se descrevem a seguir:

A1

Com o primeiro nível de ensino o aluno conseguirá:

  • Compreender e usar expressões familiares e quotidianas, assim como enunciados muito simples, que visam satisfazer necesidades concretas.
  • Apresentar-se e apresentar outros e é capaz de fazer perguntas e dar respostas sobre aspectos pessoais como, por exemplo, o local onde vive, as pessoas que conhece e as coisas que tem.
  • Comunicar de modo simples, se o interlocutor falar lenta e distintamente e se mostrar cooperante.

A2

Com o segundo nível de ensino o aluno estará preparado para:

  • Compreender frases isoladas e expressões frequentes relacionadas com áreas de prioridade imediata (p. ex.: informações pessoais e familiares simples, compras, meio circundante).
  • Comunicar em tarefas simples e em rotinas que exigem apenas uma troca de informação simples e directa sobre assuntos que lhe são familiares e habituais.
  • Descrever de modo simples a sua formação, o meio circundante e, ainda, referir assuntos relacionados com necessidades imediatas.

B1

Com o terceiro nível de ensino o aluno poderá:

    • Compreender as questões principais, quando é usada uma linguagem clara e estandardizada e os assuntos lhe são familiares (temas abordados no trabalho, na escola e nos momentos de lazer, etc.).
    • Lidar com a maioria das situações encontradas na região onde se fala a língua-alvo.
    • Produzir um discurso simples e coerente sobre assuntos que lhe são familiares ou de interesse pessoal.
    • Descrever experiências e eventos, sonhos, esperanças e ambições, bem como expor brevemente razões e justificações para uma opinião ou um projecto.

B2

Com o quarto nível de ensino o aluno estará preparado para:

      • Compreender as ideias principais em textos complexos sobre assuntos concretos e abstractos, incluindo discussões técnicas na sua área de especialidade.
      • Comunicar com um certo grau de espontaneidade e de à-vontade com falantes nativos, sem que haja tensão de parte a parte.
      • Exprimir-se de modo claro e pormenorizado sobre uma grande variedade de temas e explicar um ponto de vista sobre um tema da actualidade, expondo as vantagens e os inconvenientes de várias possibilidades.

C1

Com o quinto nível de ensino o estudante conseguirá:

      • Compreender um vasto número de textos longos e exigentes, reconhecendo os seus significados implícitos.
      • Se exprimir de forma fluente e espontânea sem precisar de procurar muito as palavras.
      • Usar a língua de modo flexível e eficaz para fins sociais, académicos e profissionais.
      • Exprimir-se sobre temas complexos, de forma clara e bem estruturada, manifestando o domínio de mecanismos de organização, de articulação e de coesão do discurso

C2

Com o último nível de ensino o estudante poderá:

      • Compreender, sem esforço, praticamente tudo o que ouve ou lê.
      • Resumir as informações recolhidas em diversas fontes orais e escritas, reconstruindo argumentos e factos de um modo coerente.
      • Se exprimir espontaneamente, de modo fluente e com exactidão, sendo capaz de distinguir finas variações de significado em situações complexas.


À parte dos objectivos gerais propostos para cada um dos níveis da língua, determinar-se-á uma série de objectivos específicos nos diferentes cursos que são leccionados no Liceo Hispánico, presentes nos diferentes planos de estudo e ao dispor do aluno que os solicitar.

As aulas do Liceo Hispánico são variadas e com um máximo de dez alunos. As sessões duram 55 minutos e cada uma centra-se na aquisição de uma competência distinta por parte dos alunos. Em geral as aulas são lecionadas de manhã, já que à tarde a escola costuma organizar atividades para que os alunos ponham em prática os conhecimentos adquiridos.
No início do curso o professor aplica um questionário aos alunos, para determinar as necessidades de aprendizagem e poder assim focalizar as aulas em elementos concretos. Este diagnóstico pretende proporcionar-lhes também material específico para que adquiram determinadas competências de forma autónoma.
Os materiais utilizados são reais e adequados, fruto da reflexão da equipa docente e do estudo das necessidades dos alunos. São variados e atrativos, pelo que o aluno não terá a sensação de fazer exercícios que poderia fazer de maneira autónoma, mas sentirá que aproveita o tempo e aprende nas aulas.
Ao chegar à escola, e sempre que o docente ache necessário, o aluno realizará uma prova de nível (oral e escrita) que determinará em que curso de deve incorporar. Se passado algum tempo, o estudante considerar que o nível não satisfaz as suas necessidades tem a possibilidade de mudar de curso, desde que existam cursos abertos no nível solicitado.


Ao finalizar o curso o aluno obterá um diploma no qual serão descritos o nível e o número de horas cursadas.  Aliás, aqueles alunos que realizarem cursos longos podem exigir um certificado com informação relativa ao seu progresso no durante o curso e o nível de adquisição das diferentes habilidades trabalhadas.


Mirko Pizzulli, director y propietario del Liceo Hispánico.MIRKO PIZZULLI
Director mánager
Mirko fundou o Liceo Hispánico em 2010 juntamente com Clara Pomet. Estudou economia e marketing e línguas estrangeiras. Especialista em promoção exterior e gestão de empresas. Durante muitos anos dedicou-se à gestão da qualidade em empresas italianas e nisso baseia-se grande parte do seu trabalho na escola. Os seus pontos fortes são a organização de grupos e programas de mobilidade internacional; sabe criar um bom ambiente de trabalho.
Clara_Director of Academic areaCLARA POMET
Directora académica
Clara Pomet fundou o Liceo Hispánico em 2010, juntamente com Mirko Pizzulli. Antes tinha trabalhado como professora de espanhol em Espanha, Itália e Portugal. Estudou filologia hispânica e tem um mestrado no ensino de espanhol como língua estrangeira. É especialista na formação de professores de ELE. Possui muito boas competências na produção de materiais.

Little Lic Best FriendLITTLE LIC
Amigo do miúdo
Little Lic começou no Liceo Hispánico em 2015. Ele joga, compete e fala várias línguas. Ele tem seu próprio diário pessoal em colaboração com Liceo Hispánico Cómics, ele gosta de ajudar as pessoas.


Departamento acadêmico: Nieves Saras, Lara Escobar.
Secretaria: Rosa Caballero.
Professores: Carmen Amaya, David Iglesias, Lara Escobar, Micaela González, Nieves Saras, Paloma Sánchez, Puri García. 

Os professores de Liceo Hispánico são especialistas no ensino do espanhol como língua estrangeira e têm formação universitária que os capacita para levar a cabo o seu trabalho docente, juntamente com os anos de experiência ensinando espanhol a estudantes não nativos. Além disso, são pessoas dinâmicas, extrovertidas, amáveis e capazes de criar um bom ambiente não só nas aulas, mas também no centro.
Os grupos de trabalho reduzidos permitem aos professores atender às necessidades específicas dos alunos, no decurso das suas aulas. Deste modo, mesmo fazendo parte de um grupo, isso não impede os alunos de adquirirem determinadas competências de forma individual.
Além do grupo de professores que formam o quadro da escola, o Liceo Hispánico conta com uma série de professores adjuntos especialistas em diferentes áreas (arte, história, literatura, medicina, turismo, jurisprudência, ensino, etc). Ao longo do curso académico, estes especialistas lecionam cursos específicos aos alunos que os solicitam, e ainda aulas magistrais complementares, sobre diferentes temáticas.

OUTROS

Gerardo: Design gráficoo

Theodore: Web Developer